SPFW e a Guerra

26 06 2008

     É interessante observarmos as ações em favor da paz mundial. Atores renomados, cantores de sucesso, estrelas da mídia americanamente internacional, todos eles colocando suas carinhas angélicas na frente das câmeras demonstrando sua rebeldia com este planeta e doando milhares de dólares para entidades carentes (não sei, mas às vezes tenho minhas desconfianças que estas pessoas são entidades filantrópicas ambulantes). Paz e properidade são os temas principais que permeiam todo discurso do fim-de-ano, além das diversas promessas que se encerram no dia 1º de fevereiro. Paz e prosperidade é o maior discurso das pessoas ‘bem-intencionadas’. Paz e prosperidade, utopia moderna.
     A economia atual está entrando em colapso. O petróleo tem aumentado cada dia mais, nesta última semana o preço do barril chegou perto dos US$ 140. Entretanto, nada disso deveria nos assustar, exceto o bolso, se não fosse o caso de que os Estados Unidos estão perdendo com toda esta história, pois o seu óleo preto está acabando e o Oriente Médio tem se tornado o maior detentor petrolífico do mundo. Para misturar e temperar esta salada encontramos o preço dos alimentos subindo a proporções geométricas. Bom, uma pergunta então é levantada: “E daí?”
     George W. Bush diz ter procurado ‘armas de destruição em massa’ no Iraque, mas o que na realidade ele encontrou? Cavernas, população faminta, e de quebra deixou corpos inertes, ruínas modernas e um tesouro balístico perdido. Então após tudo isto permanece para dizer: “Estamos aqui para salvar este país!” Claro que está! A única coisa é que ele deveria especificar o objeto da oração, ‘este país’ se refere aos Estados Unidos, óbvio! Ele foi até lá para dar uma espionada no petróleo e salvar ‘este país’ de uma recessão econômica.
     A alta na indústria do petróleo e o aumento no preço dos alimentos poderão ocasionar uma guerra mundial com proporções inimagináveis, movida, como todas as guerras, por ambições monetárias. “Esse barril de petróleo é meu!” – morte de 500; “Devolva o saco de soja que você roubou de mim!” – morte de 1340; “Eu quero a sua água!” – morte de 3000. Aonde tudo isto irá parar? No SPFW!
Um dos maiores eventos estilísticos do mundo ocorre em São Paulo nesta semana, onde modelos magérrimas desfilam pelas passarelas se equilibrando tanto nem salto agulha como em pernas agulha. De tão magras que são, bem que podíam posar para uma campanha contra a fome (apesar de que os rostinhos bonitos seriam um tremendo ruído de informação). E por falar em fome, a ‘top model’ tcheca Karolina Kurkova, umas das ‘angels’ da grife Victoria’s Secret, foi chamada de GORDA! Isto mesmo, coloco de novo e com letras bem maiúsculas: GORDA! Simplesmente porque apareceu com umas dobrinhas nanométricas ao desfilar de biquini pela Cia. Marítima. Então lhe pergunto retoricamente: “Que raios estes estilistas, os quais esqueceram que nasceram homens, encontraram de gordura em uma mulher que tem a cintura com cerca de 30 cm de largura?”
     O mundo da moda é um universo que visa proclamar qual deve ser o meu gosto pessoal. ‘A tendência do próximo verão será vermelho!’, ‘Este outono só vai dar couro roxo.’, ‘Calças marcadas em bolinhas coloridas estarão totalmente na moda no ano que vem.’ E se eu não gosto de vermelho, nem de couro roxo ou de uma roupa circense!? Que eles têm a ver com isto? Desprendem tempo e talento procurando dizer o que deve ou não ser usado enquanto passa despercebido de seus olhos que moda é simplesmente uma questão sociológica, e ainda saem por aí dizendo que tem uma ‘top model’ gorda! O planeta está entrando em colapso internacional e eles aí, procurando gordura em modelo, assim como alguém procura rabo em caranguejo.
     O grande problema é que o mundo encara as eventualidades de maneira superficial. Seres humanos estão morrendo e a socialite está observando um universo virtual. Pessoas correm atrás de um prato de comida e estilistas correm atrás daquela que comeu um prato de comida. Depois todos estes declaram paz e prosperidade.
     Eu lhe digo: a fome tem uma solução. Mas também replico: a fome não tem solução. Eu lhe digo: a paz pode ser encontrada. Mas também replico: a paz nunca será encontrada. A resposta e a contra-resposta é a atitude do homem.
     Se não fosse esta banalidade da mente humana em procurar alcançar a superficialidade de seu ego, não haveria guerra. São estampadas na primeira página de um jornal: “Novas tecnologias para a indústria militar!” Esta frase esconde outra um tanto que terrível: “Novos meios mais eficazes de matar pessoas e destruir cidades!” Se os governos parássem de investir bilhões de dólares com este tipo de comércio e utilizasse o mesmo dinheiro para alimentar que necessita, a fome acabaria e conseqüentemente a guerra, pois sem armas não há guerra. Entretanto, o egoísmo humano é interminável, por isso não existe solução, tudo fica na beleza e utopia das passarelas que acham lindo a fome, nos discursos de indivíduos que procuram flashes e câmeras, nas declarações da Miss Universo. Enquanto isso, na sala de justiça econômica os nossos heróis economistas aumentam o preço do petróleo (afinal, não venha me dizer que isto é um ato da natureza), disparam com o preço dos alimentos e o mundo entra em guerra novamente.
     Falsos profetas modernos! Já dizia Ezequiel: “Visto que andam enganando, sim, enganando o meu povo, dizendo: Paz, quando não há paz.”
     O poder revela!


Ações

Information

One response

9 09 2008
Washington Furlan

olá Pr.
gostei do texto, me fez refretir sobre algumas coisas do dia a dia, cheguei a ler para meus amigos de trabalho. porém um duvida:
O que é SPFW?.
pode ser que estava no texto e passei despercebido, mas fico com esta duvida.
parabéns pelo blog.
abraço

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: